não procures nos outros o que não há em ti

Haverá sempre alguém que entrará na tua vida só para te mostrar o quão forte tens de ser se quiseres alcançar a felicidade. Alguém que vai, por ignorância ou maldade, acabar por te magoar, mas ao mesmo tempo fazer-te ver que não é por gostares que te faz falta. Não é por amares alguém que precisas desse alguém. Para de procurar nos outros aquilo que não encontras em ti.

As pessoas não existem para te fazerem feliz ou infeliz, as pessoas existem para partilhar ou tua felicidade ou infelicidade. Quem a gera és tu. Quem a controla és sempre tu. Ninguém te injeta tristeza no corpo, és tu que a desenvolves. Então se tens o poder de criar infelicidade, tens o poder de fazer o inverso.

Texto de Raul Minh’alma

Imagem de Andhika Soreng